História do Cristianismo Moderno

4 ECTS / Semestral / Português

- Conhecer a história da igreja na Idade Moderna, partindo do acontecimento que dá origem a este novo tempo chamado de “moderno”: o Renascimento. Perceber como a Santa Sé vive e se estrutura nesta ocasião;

- Acompanhar e explicar o surgimento de uma nova rutura na Igreja, conhecida pelo nome de Reforma Protestante e escalpelizar a atividade dos principais “reformadores”: Lutero, Calvino, Zwinglio…;

- Identificar a especificidade da realidade inglesa ou, melhor dito, da Igreja Anglicana;

- Perceber o fenómeno das seitas;

- Acompanhar o movimento reformador da Igreja, consubstanciado sobretudo no Concílio de Trento;

- Estudar a convivência da Igreja com o poder civil no período chamado de “absolutismo” (séc.s XVII e XVIII);

- Identificar as várias correntes de pensamento que grassam na Europa cristã dos séc.s XVII e XVIII: jansenismo, galicanismo, e iluminismo;

- Abordar o surgimento e posterior supressão da Companhia de Jesus;

- Rastrear o surto missionário dos tempos modernos.

Docentes

Professor Auxiliar
Doutor em Teologia História Eclesiástica pela Pontificia Università Gregoriana (Roma) com a tese: D. Américo Ferreira dos Santos Silva, Bispo do Porto…
Professor Associado
Doutoramento pela Pontifícia Universidade Gregoriana, em Roma. Licenciou-se pela Pontifícia Universidade de São Tomás de Aquino, em Roma.
Professor Auxiliar Convidado
Licenciada em História pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa (2004). Na mesma instituição concluiu, em 2007, o Mestrado em História Contemporânea…